Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Experimentalista

Um blog onde exponho publicamente as pipas de massa que já gastei, dividindo-as em "bem empregues" e "desgostos"

11
Mai17

Ainda sei como isto se faz?

Sarah

Já não me lembro da última vez que me sentei ao pc para escrever no blog, sendo que vir aqui fazer publicidade a fatos de banho não vale como "escrever para o blog", ainda que me tenha dado 13 (!?!?!?) seguidores novos! Amor para vocês meus queridos, bem vindos ao tasco mais negligenciado dos arredores de Lisboa.

Eu preciso disto, do teclar dos dedos nas teclas, de sentir que o meu cérebro até trabalha bem mas do que ele gosta mesmo é de escrever. E por falar em trabalho.....que aventura em que me meti!

Passei de uma situação laboral muito precária (recibos verdes) e de repente tenho contrato, subsídios, pagam-me os transportes! É como chegar a um país tipo a Suécia: tu sabes que existe, mas não acreditas que algo funcione assim tão bem.

Mas, nem tudo são rosas senhores. Há trabalho até ás pontas dos cabelos, isto se eu estiver com um carrapito ou então com uma palmeirinha no topo da cabeça. Em um mês, ainda não tive um dia a sair sem nada previsto para o dia seguinte mas sabem que mais? Ainda bem. no meu último emprego, ainda que tivesse um horário de rainha e o melhor patrão do mundo (é mais um amigo na verdade) eu sentia-me a emburrecer de dia para dia. Não tinha estímulo, não havia trabalho. Agora, é como pegarem numa criança e enchem-na de açúcar, tudo antes de ir para a cama. Mas eu gosto disso, o meu cérebro gosta disso, precisa do caos para se organizar. Penso fazer ali carreira, crescer, tornar-me uma profissional em X. E isso, para quem já se viu sem esperanças, não é a luz ao fundo do túnel: é um holofonte em cima da testa.

Com isto, tive que ganhar novos horários e rotinas e ali não há blogs (nem tempo para) para ninguém. E ao fim do dia confesso que negligencio o meu sítio favorito. Porque é o que este blog, e as pessoas que me lêem, são para mim: um local onde não preciso de estar arranjada e bem falante para gostarem de mim. É a minha faceta radialista entendem?

Mas o blog.....a escrita...são tudo. Há quem ande de mota em alta velocidade ou faça desportos de risco para sentir adrenalina. Eu escrevo. Sou uma básica eu sei mas também sou a gaja que chora baba e ranho quando acaba o "Labirinto dos Espíritos" do Zafón (por quem sou altamente groupie!). 

Neste últimos tempos tenho apontado posts que quero escrever, coisas que fiz e gostei e recomendo que façam também mas, eu viria aqui até só para escrever "batata" numa página inteira. Além disso, dou por mim nos transportes a pensar como estarão as gentes daqui. "Como estará a Nervosinha e o bebé dela"? E a Mula? Isto não é só um blog. Nunca foi só um blog. 

Prometo voltar regularmente até porque, todos os viciados precisam da sua dose. 

 

Sarah

10 comentários

Comentódromo