Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Experimentalista

Um blog onde exponho publicamente as pipas de massa que já gastei, dividindo-as em "bem empregues" e "desgostos"

01
Mar18

Crónicas de uma casamento anunciado - #1

Sarah

Pois é...que eu estou noiva desde Outubro de 2017 e só hoje escrevo este post!

Uma vergonha, um desatino, uma total falta de energia e com demasiadas "coisa" a acontecer nesta vida, o que não me permite sentar-me em frente ao ecrã e dissertar sobre aquele que pode ser o dia mais feliz ou o maior arrependimento da minha vida.

Eu sei que soa muito pouco animador e muito  trágico eu colocar o dia do meu casamento desta forma mas, a vida de casado que conheço, o meu exemplo mais directo, não me deixa ver o casamento com coraçõeszinhos nos olhos. Contudo, também não me posso queixar que vim ao engano ou que "era uma virgem inocente!" e isto só pode ser bom! Digamos que.....expecting the best é como eu me sinto!

 

Então pois bem......de Outubro de 2017 a Outubro de 2018, o que é que já fechámos para a Boda do Ano?

Posso dizer que, em um mês, resolvemos os Big 3 (sim, referencia ao This Is Us!):

- Data + Local + Igreja e um 4ª ponto, para muitos se calhar não tão importante mas que, a mim, ajuda a ter uma linha de prumo: o tema.

 

Posso revelar que o nosso tema é The Great Gatsby. Além de adorar o filme e o livro, acho que é de uma estética lindíssima, para lá de elegante, intemporal e, a bem da verdade, é mesmo isto que eu quero que o nosso casamento seja. Claro que teremos sempre uma pimbalhada a meio da festa mas isso são outros detalhes.

O termos tratado destes grandes passos para o casamento com tanta antecedência permitiu-me ter tempo para, a 7 meses do grande dia, poder pensar em detalhes, o que me facilita muito na hora de pensar em todas as coisas que uma noiva tem que tratar: vestido, cabelos, maquilhagem, convites, como receber os convidados em casa, onde lhes dar casa, carro para a noiva, flores, sapatos, AHHHHHH!

Eu, que trabalho em eventos todos os dias, que todos os dias sou uma bombeira do excel, a resolver transferes que falharam e voos cancelados, dou por mim por vezes a pensar que, eu não consigo fazer isto sozinha. A bem da verdade, não estou assim tão sozinha, uma vez que devo ter o noivo mais participativo da historia e duas grandes amigas que, uma trabalha comigo e a outra está a organizar o festival da canção ahahah e senhores, ainda assim, por vezes, nos vemos todos a apanhar bonés...

 

Pois bem, mas com as maiores decisões tomadas (the Big Three), entretanto também já escolhemos o fotógrafo, a animação, o design dos convites, o carro da noiva, o estilo de decoração que quero na Quinta e na Igreja e sim, também já tenho o meu vestido! (gritinho histéricos e mãozinhas no ar)

Com isto, o que ainda nos falta? UM MUNDO DE COISAS! Tenho que ir a minha igreja porque vamos casar na igreja do noivo, preciso de florista, de sapatos, temos que ir ao registo que casar pela igreja é bonito aos olhos de Deus mas, aos olhos do dito Estado vale de pouco, temos que imprimir os convites, escolher um local para o almoço do dia seguinte, eu sei lá!

Contudo, prometo começar agora uma série de posts para as futuras noivas ou as noivas que já o são, com ideias, fornecedores, Do´s and Dont´s, calendários para nos organizar-mos, etc.

Entretanto, aproveito para deixar o que para mim é o mais importante e relevante conselho que posso dar a qualquer casal que vai dar este passo:

 

Defendam o vosso casamento!

 

Defendam o dia que escolheram, a hora, se é religioso ou não, se vão de vestido branco ou azul, se é intimista ou um arraial do Sto. António, DEFENDAM-NO! Garanto que o que não vos vai faltar é quem diga que não gosta da data, da hora, do local, do noivo, da noiva, do tempo, ou de Nosso Senhor Jesus Cristo e por isso só vai ao almoço!

Defendam o vosso dia do vosso casamento pois as únicas duas pessoas para quem tudo deve fazer sentido são vocês. noivo e noiva. Defendam essa concretização do amor, defendam!

 

Vamos falando.

 

Sarah

 

1 comentário

Comentódromo