Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Experimentalista

Um guia, uma ideia, uma sugestão, ou apenas um sítio onde vir dar um passeio

Experimentalista

Um guia, uma ideia, uma sugestão, ou apenas um sítio onde vir dar um passeio

06.02.17

Mi casa es tu casa #1

Sarah
Desde que a D. O nos passou um conjuntinho de chaves para as mãos, que o meu orçamento nunca mais viu dias felizes, de abundância ou ostentação, muito porque, pela primeira vez, pude mandar naquilo que decora as paredes de casa e também porque sofro do síndrome do frigorífico vazio. Sim, muito do meu orçamento vai para co-mi-da! Ridículo.. Mas quanto ao doce lar dos amores.....eu já escolhi a minha loja para decoração. Nem IKEA nem ZARA Home nem nada disso: H&M senhores, (...)
21.03.16

Sobre as pestanas postiças....

Sarah
Gosto de ir no metro com os óculos de sol postos. Ainda mais se for segunda-feira. E se for segunda-feira eu tiver dormido mal, me sinta mal vestida e esteja a reagir mal à claridade, qual ressacado quando sai do after às 8h00 da manhã, vou com os maiores Amálias que encontrar na gaveta! Bom.......isto do andar de óculos de sol em sítios onde não se espera é uma espécie de manto da invisibilidade do Harry Potter (don´t judge) pois posso ir a olhar para as outras pessoas, de alto (...)
17.03.16

Na Cara - Dermablend Vichy e SuperStay Better Skin Maybelline

Sarah
Se há coisa em que eu já gastei quantias monetárias que me teriam dado para ir de férias uma semana para Alvor, são as bases/foundation ou como alguém já lhes chamou, "betume facial". Não posso dizer que tenha má pele ou uma compleição tramada mas tenho algumas manchas e acordo sempre com aquele ar amarelado de quem dorme com a cara debaixo dos cobertores e isso fez que com a tenra idade de 15 anos me tenha começado a maquilhar diariamente.    E senhores....eu já fui a (...)
15.03.16

No princípio era a curiosidade.....

Sarah
Sempre tive um fraquinho por produtos novos, sejam eles roupas, maquilhagem, cremes, comida.....gosto de saber para que servem, o que prometem e o que posso esperar deles mas com o passar dos anos (ah a maturidade...) a curiosidade viu-se acalmada pelo binómio falta de dinheiro + verdadeira utilidade daquilo e comecei a questionar cada produto, cada compra. A melhor parte é que aquilo que antes fazia porque tinha que ser é agora um hábito e um gosto e cada vez menos perco a cabeça com (...)