Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Experimentalista

Um guia, uma ideia, uma sugestão, ou apenas um sítio onde vir dar um passeio

Experimentalista

Um guia, uma ideia, uma sugestão, ou apenas um sítio onde vir dar um passeio

24.12.18

Isto dos Balanços

Sarah
Estamos a meia dúzia de dias do fim de 2018 e este ano, nem sei bem o que escrever!  Se em alguns pontos (casamento, lua-de-mel, mais um afilhado a chegar) foi um ano maravilhoso, de encher as medidas, por outro, haja estômago para alguma das "surpresas" que me trouxe.  Terminei 2017 com uma dose surreal de esperança! De coração cheio, foi um ano tão bom, tão bonito, era impossível esperar menos de 2018 mas, como já devíamos estar habituados, isto da vida e da sorte e das (...)
27.12.16

Rais´parta os criativos!!

Sarah
Andava eu em amenas combinações com os amigos para mais uma bem sucedida e bem regada passagem de ano, quando me comunicam que, nesta noite, vou a um casamento.Oi? Isso mesmo, na véspera de ano eu e o Querido vamos sair de casa ás 13h, vestidos como se fôssemos para uma noitada, arranjados como quem vai para a passagem de ano, e vamos para um casório, festarola da boa!  Passado o desespero inicial, mandei-me numa busca por "rupinha" de festa, que ficasse bem nos dois eventos: (...)
26.12.16

Ho Ho Ho....ainda vou a tempo?

Sarah
Este Natal (todo o mês de Dezembro a bem da verdade) deu-me uma grande tareia. Desde a mudança para a casa nova, criar rotinas, tentar manter rotinas que não podem ser mudadas, perder muitas horas de sono, este Natal foi o equivalente a esperar 1 hora na fila para andar de escorrega: quando damos por nós, já acabou. Já há uns anos que o Natal não sabe ao mesmo.....ainda que sempre o passe com a família, ainda que se tenha criado uma dinâmica gira entre os meus pais, faltam-me (...)
20.12.16

Os natais lá de casa

Sarah
Por mais estranho que isto possa soar, eu mal me lembro da minha infância. É tudo um emaranhado de memórias e recordações, sempre pedaços soltos, espécies de nuvens em sépia onde apareço eu e a minha família. Contudo, a maioria dessas memórias é dedicada ao natal e aos momentos que se partilhavam nessas alturas. Destes momentos lembro-me das árvores de natal que a minha mãe fazia, com pinheiros verdadeiros e que picavam como tudo mas para os quais eu adorava ficar a olhar (...)
19.12.16

Ser pró-divórcio

Sarah
Eu, por norma, sou pró-tudo o que respeite o outro e o faça mais feliz mas o caso do divórcio é-me muito mais sensível. Sou filha de pais divorciados. Nada de estranho, ou de traumatizante, mas apenas acho que eles se divorciaram tarde demais sendo que, o certo, era talvez nem se terem casado. Vamos por partes. Nunca nos faltou nada lá em casa. Nós, os miúdos, sempre andámos bem vestido, bem alimentados, tivemos brinquedos e animais de estimação, ou seja, os meus pais até eram (...)
14.12.16

Tarte Tartin de Maçã Reineta

Sarah
Tenho cada vez mais a certeza de que, para mim, o emprego ideal seria ir a sítios, comer coisas e escrever sobre isso. Digo-o com o tom mais sério que possam imaginar. Eu era feliz se na minha actividade profissional conseguisse conjugar estas duas coisas: comer e escrever. Sou uma básica, dizeis vós, até posso ser, contudo, com o aparecimento de plataformas como o Zomato cada um se sente o maior avaliador Michelin, um possível júri do Masterchef e eu, não podia ser diferente. Já (...)
09.12.16

Isto das prendas de Natal...

Sarah
Hoje é dia 9, a noite em que damos 2/3 do nosso ordenado a outras pessoas é dia 24. Isto da-me 15 dias para fazer as compras das ditas prendas do ordenado.  Eu estou bem. Eu sei o que quero e tudo.....eu sei os tamanhos e onde estão e....estou bem. Está tuuuuuudo bem   Sarah
02.12.16

Ah o Inverno.......quem nunca?

Sarah
Eu sou a pessoa que pior lida com o Inverno. E passo a enumerar as várias causas:   -Congelo a temperaturas ridículas. Por exemplo, hoje, estão em teoria 10º em Lisboa. Por mim tinha saído de casa enrolada num edredon, seguro com fita cola. Estou com collants térmicos, um top, uma camisola interior e uma gola alta. Tenho botas com pelo e um colete que parece uma lebre do monte. E sim, estou com muito frio. Apesar de estar uma Matrioska de roupa.   -Há um binómio com o qual não (...)
29.11.16

Ah o Natal....

Sarah
Há uns anos deixei de ser grande fã do Natal. Da correria das compras, do menino Jesus da minha infância se ter tornado um velho gordo e barbudo vestido de vermelho, da parte do "prendas agora só para os crescidos" e eu só tenho é tamanho e não acho justo......por vários factores o Natal tornou-se mais um jantar. Até este ano. Este ano tenho uma menina Jesus gorda-repolha-com-bochechas-até-aos-ombros e só me apetece arranjar umas palhinhas e tirar fotos que um dia mais tarde a (...)